24.2 C
Brasil
domingo, março 7, 2021
Início Brasil A hora da guerra da vacina entre Doria e Pazuello se aproxima

A hora da guerra da vacina entre Doria e Pazuello se aproxima

Eduardo Pazuello fala grosso quando o assunto é a CoronaVac, a vacina do Instituto Butantan que João Doria planeja começar a aplicar no dia 25.

Como chefe do Ministério da Saúde, Pazuello diz que as doses da vacina da China, as que já estão em território nacional justamente pelo trabalho do governo de São Paulo, serão todas administradas pelo governo federal.

A fala do general não mete medo no governador tucano, que já avisou: nenhuma dose da vacina sairá de São Paulo até que Pazuello faça o dever de casa e divulgue em detalhes como será feito o Plano Nacional de Imunização.

A decisão da semana passada de Ricardo Lewandowski, vetando o avanço de Pazuello sobre os estoques de seringas do governo de São Paulo, por exemplo, é uma prova de como será difícil a luta do ministro de Bolsonaro para tirar o ouro das mãos de Doria.

Sem explicar direitinho como distribuirá as doses de vacina, Pazuello só colocará a mão nos estoques de São Paulo com uma ordem judicial na mão e uma viatura da Polícia Federal na porta do Instituto Butantan.

Doria está disposto a abrir guerra com o general para manter em São Paulo o número de doses proporcional ao tamanho do problema enfrentado pelo estado, líder de mortes e infecções na pandemia.

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Ministério da Justiça leiloa fazenda de bicheiro famoso no Mato Grosso

A Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas do Ministério da Justiça abriu recentemente o leilão de uma fazenda que foi do bicheiro Comendador Arcanjo, espécie...

Imagem de militares no governo ajuda Bolsonaro nas urnas, aponta pesquisa

Com a popularidade estremecida, Jair Bolsonaro tem ampliado o espaço de militares em seu governo. Desde a redemocratização, nunca foi tão grande a presença...

Cúpula do PSB tenta não se iludir com Luiza Trajano

A cúpula do PSB sondou Luiza Trajano para disputar o Planalto, mas já desembarcou da ideia, diante da delicada negativa da empresária. “Não queremos outra...

Polícia avança na investigação do assassinato de Marielle

A polícia do Rio deve anunciar novidades na próxima semana a respeito das investigações da morte de Marielle Franco. No próximo dia 13, os...