20.6 C
Brasil
quarta-feira, março 3, 2021
Início Brasil Chefe do MST vê Bolsonaro a caminho do isolamento na América Latina

Chefe do MST vê Bolsonaro a caminho do isolamento na América Latina

João Pedro Stedile, o comandante do MST, está animado com o futuro eleitoral da esquerda em 2021.

O chefe do exército imaginário que livraria Lula da prisão na Lava-Jato faz previsões de avanço das “forças progressistas” no Peru, no Equador e no Chile, países vizinhos onde haverá eleições nesse ano.

“Já começaram a soprar os ventos favoráveis dos Andes”, diz Stedile num texto publicado no site do MST.

Para Stedile, o futuro de Jair Bolsonaro é terminar isolado como representante da direita, num fim de mandato fragilizado pelo retorno das mobilizações do MST.

“Vamos ter eleições em fevereiro no Equador, depois no Peru e depois no Chile. As forças progressistas vão ganhar essas três eleições, e isso vai então alterar a correlação de forças na América Latina. Praticamente vai ficar apenas o Brasil como um governo direitista”, diz Stedile.

Para o líder do MST, com o avanço da vacina, os militantes do movimento poderão retomar os grandes atos públicos que irão, nas palavras dele, “mudar a correlação de forças na luta de classes” no país: “Estou confiante que assim que conseguirmos universalizar o acesso à vacina, isso vai nos dando capacidade e espaço para mobilizar, fazer lutas de massas, alterar a correlação de forças.”

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

STF arquiva denúncia da PGR contra “quadrilhão do PP” e salva Lira

A Segunda Turma do STF arquivou a denúncia por organização criminosa contra o chamado “quadrilhão do PP”, que envolvia o presidente da Câmara, Arthur Lira,...

STF julga lei de antenas de SP inconstitucional e abre espaço para 5G

Uma decisão do Supremo Tribunal Federal publicada ontem julgou inconstitucional a Lei de Antenas de São Paulo. A prefeitura e a câmara municipal recorreram...

Governadores ‘desistem’ de Pazuello para assumir a gestão da crise

Como já aconteceu em outras vezes ao longo dos últimos meses de pandemia da Covid-19, uma comitiva de 21 governadores foi a Brasília nesta...

Ministro pede aposentadoria ao vivo em sessão do STJ

O ministro do Superior Tribunal de Justiça Nefi Cordeiro, de 57 anos, pediu aposentadoria ao vivo durante a sessão de julgamentos desta terça-feira. “Pensei muito...