25.5 C
Brasil
sexta-feira, maio 14, 2021
Início Brasil Denúncia tem áudio que sugere ‘processo fantasma’ por respiradores no AM

Denúncia tem áudio que sugere ‘processo fantasma’ por respiradores no AM

A denúncia apresentada na última segunda-feira pela PGR ao STJ contra o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), e mais 17 pessoas, acusados de crimes cometidos na compra de respiradores para pacientes de Covid-19, contém a transcrição de um áudio enviado em um grupo de WhatsApp no qual o então secretário-adjunto da Saúde do estado, Perseverando da Trindade Garcia Filho, sugere a criação de um “processo fantasma” para justificar a aquisição dos equipamentos em uma loja de vinhos.

“Joao por que eu não corro como um processo fantasma cara? E aí faço o empenho. Entendeu? É muito melhor do que empenhar sem nada e mandar pagar. Não tem garantia cara, nenhuma. Não tem amparo nenhum”, afirmou Perserverando em mensagem enviada no grupo “Só nós aqui”, em 2 de abril do ano passado. Ele se dirigia ao secretário-executivo da pasta, João Paulo Marques dos Santos, outro alvo da denúncia.

O então secretário de Saúde, Rodrigo Tobias, também denunciado, concorda com o subordinado em áudio enviado minutos depois. “Concordo Perse! É… conversei com o Carlos e ele deu três possibilidade: o primeiro seria o decreto; o segundo é falar com o Waltinho, que ele sabe o processo de compras e verificar o caminho do meio aí; e o terceiro seria a gente fazer destaque pra PPP, né? Então o JO… O JP está a frente disso, alinha com ele pra que a gente possa encaminhar da melhor forma possível”, disse Tobias.

Perserverando então diz que está com JP (João Paulo) e comenta que ficou “morrendo de peso na consciência”, complementando: “mas sabe que a gente precisa se proteger, né mano, e eu muito preocupado com vocês, né também”.

“Fica evidente, portanto, a participação ativa do denunciado na trama criminosa, bem como sua consciência quanto ao contexto em que inserido”, conclui a denúncia da PGR.

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Pazuello não poderá omitir nomes nem proteger condutas de terceiros na CPI

Na decisão em que concede o direito ao silêncio ao ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello, o ministro Ricardo Lewandowski deixa o general na chuva...

Lewandowski concede habeas corpus e Pazuello poderá se calar na CPI

O ministro Ricardo Lewandowski concedeu há pouco habeas corpus para que o ex-ministro da Saúde possa evitar responder a perguntas que o incriminem na...

Cotado para 2022, ministro de Bolsonaro se compara a Rogério Ceni

Torcedor fanático do Flamengo, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, deu agora para comparar seu trabalho no governo ao do técnico Rogério Ceni...

Deputada apresenta texto final sobre educação em casa

A deputada Luísa Canziani (PTB-PR) apresentou nesta sexta o relatório final do projeto de lei que viabiliza a chamada educação básica domiciliar, modelo pelo...