20.8 C
Brasil
terça-feira, março 9, 2021
Início Brasil Em livro-bomba, Eduardo Cunha fará revelações contra Rodrigo Maia

Em livro-bomba, Eduardo Cunha fará revelações contra Rodrigo Maia

O segundo figurão em destaque no livro de Eduardo Cunha é o do atual presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

Cunha descreve Maia, hoje aliado do PT contra Jair Bolsonaro, como um personagem desesperado pelos holofotes do impeachment de Dilma Rousseff.

Alguém que “queria todas as posições para ele”. Maia, segundo Cunha, lutou tanto para cassar Dilma que quase chegou a atrapalhar o plano em curso ao disputar com Jovair Arantes o posto de relator da Comissão Especial do Impeachment.

Cunha vetou Maia por achar que ele não tinha força para a tarefa.

Tchau Querida, O Diário do Impeachment terá 740 páginas que prometem reabrir muitas feridas de 2016. A obra está em fase de revisão textual enquanto Cunha decide qual editora publicará o calhamaço. Três disputam a obra. O ex-presidente da Câmara deve fechar com a Matrix Editora.

VEJA RECOMENDA | Conheça a lista dos livros mais vendidos da revista e nossas indicações especiais para você.

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Veja quais medidas de restrição são estudadas pelos governadores

Dispostos a adotar medidas conjuntas para conter o avanço da pandemia de coronavírus, os 23 governadores que integram o pacto pela vida devem começar...

Operação prende 1,5 mil pessoas por crimes contra mulheres

Realizada simbolicamente no Dia Internacional da Mulher, a Operação Resguardo prendeu nesta segunda-feira, 8, 1.548 pessoas e cumpriu 985 mandados de prisão por crimes...

Gilmar Mendes não deve aceitar calado decisão de Fachin

Interlocutores de Gilmar Mendes dão como certo que o ministro não aceitará calado a decisão do ministro Edson Fachin, de ter decretado a morte...

Bolsonaro sobre Lula: ‘brasileiro não quer candidato como ele em 2022’

Ao comentar a decisão do ministro Edson Fachin que tornou o ex-presidente Lula elegível novamente, o presidente Jair Bolsonaro disse acreditar que o povo brasileiro não...