24.6 C
Brasil
domingo, abril 18, 2021
Início Brasil Falta dinheiro ao auxílio, mas não falta garçom no Ministério do Turismo

Falta dinheiro ao auxílio, mas não falta garçom no Ministério do Turismo

O Ministério do Turismo anunciou a contratação de empresa terceirizada para fornecimento de serviços de garçons e copeiras. Está prevista a contratação de 21 garçons, 13 copeiras e um encarregado ao custo estimado 2,3 milhões de reais em 12 meses.

Na sede da pasta de Gilson Machado, por exemplo, serão cinco garçons e três copeiras somente no terceiro andar. No segundo andar, mais quatro garçons e duas copeiras. Na Secretaria Especial de Cultura, no Bloco B, serão entre dois e três garçons por andar.

O ministério diz que a contratação visa assegurar a necessária continuidade no apoio às atividades administrativas, com fornecimento de mão de obra, material e demais equipamentos necessários à administração pública.

- Advertisment -

Ultimas Notícias

A dura missão de Braga Netto na Defesa

Walter Braga Netto levará um tempo para vencer a desconfiança na caserna. No Exército, oficiais generais de alta patente consideram que Braga Netto aprendeu...

A relação do novo chefe do Itamaraty com a China

Se o ambiente melhorou com os Estados Unidos na esteira dessa discussão da Cúpula do Clima de Joe Biden, o mesmo pode-se dizer em...

Os ‘exemplos domésticos’ do ministro Edson Fachin, do STF, no isolamento

No isolamento social há um ano, o ministro Edson Fachin, que comanda os casos da Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal, divide o tempo entre...

Presidenciáveis de centro e esquerda se unem em críticas a Bolsonaro

Cinco presidenciáveis de diferentes partidos e ideologias – o apresentador de TV Luciano Huck (sem partido), os governadores João Doria (PSDB-SP) e Eduardo Leite...