23.7 C
Brasil
sexta-feira, abril 23, 2021
Início Brasil Farmácias reagem à acusação de ilegalidade em testes de Covid-19

Farmácias reagem à acusação de ilegalidade em testes de Covid-19

Como o Radar mostrou nesta quarta-feira, um grupo de entidades da área de análises clínicas foi à Anvisa questionar a venda nas farmácias de testes que identificam se o paciente tem ou não anticorpos contra a Covid-19 após receber a vacina. O gesto provocou reação das drogarias. Em nota, a Associação Brasileira de Redes de Farmácias e Drogarias (Abrafarma) disse que “repudia acusações de ilegalidade” na venda dos testes. A entidade representa as 26 maiores empresas do varejo farmacêutico nacional.

A alegação das associações é de que a realização dos testes em farmácias representaria um risco à saúde pública e deveria ser realizado somente em ambientes laboratoriais. O teste que motivou essas acusações detecta o nível de resposta imunológica produzida pelo organismo depois da imunização.

“A acusação é infundada. Esses exames são definidos como ensaios imunocromatográficos e estão autorizados no varejo farmacêutico, com respaldo da Resolução da Diretoria Colegiada – RDC nº 377 e da Nota Técnica nº 7 da própria Anvisa”, afirma Sérgio Mena Barreto, CEO da Abrafarma.

Barreto defende que o leque de exames nas farmácias seja, inclusive, ampliado com a inclusão de outros tipos. “O momento exige que o país lance mão de todas as opções possíveis para a detecção do coronavirus e o combate à pandemia. O Brasil não pode prescindir de utilizar a base instalada de farmácias, em parceria com os laboratórios de análises clinicas, com tal finalidade”, explica. Em menos de um ano, as farmácias que integram a Abrafarma aproximam-se de 4,5 milhões de testes da Covid-19.

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Os potenciais alvos da delação-bomba no Congresso

Em outra frente inflamável na PGR, um ex-assessor parlamentar e agora delator promete arrastar uma parte da bancada de Minas Gerais no Congresso para...

Plasfer: como aplicar sustentabilidade na empresa

O conceito de sustentabilidade está muito disseminado no mundo atual, a tendência é aderir e manter o natural. A empresa Plasfer Healthcare...

Apesar do STF, Moro define partido e marca prazo para decidir sobre 2022

Depois de ter a biografia de juiz implacável com corruptos sepultada pelo STF, Sergio Moro terá uma dura decisão a tomar: entrar ou não...

CNJ participa de audiência na Corte Interamericana de Direitos Humanos

O Conselho Nacional de Justiça foi convidado a participar de audiência pública de supervisão de sentença no caso Ximenes Lopes vs. Brasil, marcado para...