23.9 C
Brasil
quarta-feira, fevereiro 24, 2021
Início Brasil Forças-tarefa contra o crime organizado começarão a atuar pelo RN e CE

Forças-tarefa contra o crime organizado começarão a atuar pelo RN e CE

O ministro da Justiça, André Mendonça, começará a implantar o plano de forças-tarefa — estilo Lava-Jato, com a união de forças da PF, PRF e Depen — contra o crime organizado pelos estados do Rio Grande do Norte e Ceará.

Para desespero de sua segurança, ele planeja visitar os bairros mais perigosos dessas regiões para mostrar a “presença do Estado”.

Inicialmente serão convidados a aderirem voluntariamente os seis estados que apresentaram os maiores acréscimos em números absolutos de homicídios no primeiro semestre de 2020, quando comparados ao mesmo período de 2019.

Ceará e Rio Grande do Norte serão os primeiros porque já assinaram adesão voluntária ao plano, que tem o objetivo de reduzir indicadores de crimes praticados por membros de organizações criminosas, como homicídio, latrocínio, tráfico de drogas, roubos a bancos, cargas e veículos.

O foco das forças-tarefa, diz o ministério, “estará nas ações de prevenção e repressão a partir da atuação conjunta, coordenada, sistêmica, integrada e cooperativa entre as polícias da União e dos estados em ações de inteligência, análise, monitoramento e investigação de grandes organizações criminosas”.

O Ministério da Justiça vai disponibilizar o local que servirá de base para a força-tarefa, além de equipamentos de gestão de dados e informações, e outros necessários aos trabalhos. O custeio das diárias e passagens para atuação das forças policiais também será feito pelo governo federal.

 

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Associação de procuradores reforça pedido contra inquérito do STJ

O colégio de delegados e a diretoria da Associação Nacional dos Procuradores da República reforçou ofício encaminhado ao procurador-geral da República, Augusto Aras, contra...

PEC Emergencial ganha emenda para centralizar gastos em saúde

O senador Alessandro Vieira (Cidadania/SE) apresentou hoje uma emenda substitutiva global à PEC Emergencial (186/2019), propondo excluir tudo que não diga respeito ao auxílio...

Governadores divergem de comitês científicos e adotam ações mais brandas

No início da pandemia em 2020, governadores do Sul ao Norte criaram comitês formados por médicos e cientistas para orientar as ações de combate...

Deputado e servidores do mesmo gabinete contaminados com a Covid

Desde a volta do trabalho e votação presenciais na Câmara, na eleição de Arthur Lira (PP-AL) para presidente, o ambiente é de intranquilidade, receio...