21.6 C
Brasil
quarta-feira, março 3, 2021
Início Brasil Governo recorre ao STF para manter alíquota zero na importação de armas

Governo recorre ao STF para manter alíquota zero na importação de armas

A Advocacia-Geral da União pediu para que o ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), reconsidere a decisão que suspendeu a alíquota zero para a importação de revólveres e pistolas.

A isenção foi definida no final de 2020 pela Câmara de Comércio Exterior, do Ministério da Economia, mas foi revogada por uma liminar do ministro do Supremo. Com a liminar, ficou mantido o imposto de importação atual, que é de 20%. 

Na manifestação encaminhada a Fachin, a AGU afirma que a redução a zero das alíquotas do imposto de importação sobre revólveres e pistolas pela resolução “se insere na esfera de competência do Poder Executivo, não sendo possível ao Poder Judiciário interferir no âmbito discricionário dos demais Poderes”.

Ainda segundo o governo, a resolução é adequada “tendo em vista o potencial de concretizar uma função legítima (incremento da concorrência e proteção mais acessível a agentes de segurança pública) e não excessivamente onerosa, nem para a população em geral (pois o acesso a armas é controlado por outros atos normativos), nem para a indústria nacional (pois afeta apenas um dos tributos de importação, convivendo com diversos outras medidas de fomento)”.

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

STJ absolve desembargadora que insultou Marielle Franco

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) absolveu a desembargadora Marília de Castro Neves, do Tribunal de Justiça do Rio, da acusação de calúnia por ter...

Pronunciamento de Bolsonaro é novamente adiado

Apesar de integrantes do governo e o próprio presidente Jair Bolsonaro terem passado o dia falando do pronunciamento em rede nacional, um importante auxiliar...

Corrupção na pandemia: promotores acham R$ 300 mil com investigado no DF

Promotores do Distrito Federal encontraram quase 300.000 reais em dinheiro vivo na casa de um dos alvos da Operação Falso Negativo, que investiga um...

Prorrogação da outorga da BR-040 anima concessionárias de rodovias

A liminar da Justiça Federal que prorrogou a concessão da BR-040, administrada pela Concer, por conta dos desequilíbrios econômico-financeiros causados pela pandemia de Covid-19...