25.5 C
Brasil
sexta-feira, maio 14, 2021
Início Brasil Na véspera da cúpula de Biden, EUA e Europa recorrem a Pacheco

Na véspera da cúpula de Biden, EUA e Europa recorrem a Pacheco

Às vésperas da Cúpula de Clima promovida pelo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, um movimento de diplomatas de países europeus e do próprio governo americano evidencia o tamanho do isolamento de Jair Bolsonaro — e o desespero dos diplomatas que atuam por aqui ante a falta de senso de gravidade no Planalto.

Sem obter compromissos concretos com as medidas de combate ao desmatamento e de preservação da Amazônia, quatro embaixadores procuraram nesta segunda o presidente do Congresso, Rodrigo Pacheco. Queriam uma conversa urgente sobre ações do Brasil no meio ambiente com o chefe do Parlamento ainda nesta segunda.

Com as confusões da pauta do Legislativo, Pacheco não conseguiu ouvir os embaixadores. Uma nova tentativa poderia ser feita nesta terça-feira. Como ou sem reunião, porém, o episódio diz muito sobre a clima que antecede a cúpula de Biden.

O raciocínio, segundo aliados do chefe do Parlamento, é simples: como Bolsonaro não se compromete, os diplomatas tentam desesperadamente substituir o presidente por outro chefe de poder que tenha condições de promover mudanças concretas na questão ambiental.

Como o Radar mostrou há duas semanas, a cúpula de Biden é tratada por EUA e Europa como a hora da verdade para o Brasil. Se o governo Bolsonaro não mudar de discurso e não adotar ações concretas, passará a ser tratado como obstáculo no avanço da agenda ambiental por norte-americanos e europeus.

Pacheco foi procurado por embaixadores dos EUA, Alemanha, Reino Unido e Noruega. Se a reunião de fato ocorrer, Bolsonaro que prepare as orelhas.

Continua após a publicidade

- Advertisment -

Ultimas Notícias

Pazuello não poderá omitir nomes nem proteger condutas de terceiros na CPI

Na decisão em que concede o direito ao silêncio ao ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello, o ministro Ricardo Lewandowski deixa o general na chuva...

Lewandowski concede habeas corpus e Pazuello poderá se calar na CPI

O ministro Ricardo Lewandowski concedeu há pouco habeas corpus para que o ex-ministro da Saúde possa evitar responder a perguntas que o incriminem na...

Cotado para 2022, ministro de Bolsonaro se compara a Rogério Ceni

Torcedor fanático do Flamengo, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, deu agora para comparar seu trabalho no governo ao do técnico Rogério Ceni...

Deputada apresenta texto final sobre educação em casa

A deputada Luísa Canziani (PTB-PR) apresentou nesta sexta o relatório final do projeto de lei que viabiliza a chamada educação básica domiciliar, modelo pelo...